Política de Análises - Neo Fusion

Política de Análises

Nós do Neo Fusion gostamos muito de análises de obras artísticas e de entretenimento, mas gostar não significa que concordamos com muitas das práticas ou formas de se levar um review. Particularmente, identificamos que existem muito problemas em diversas análises que pipocam pela internet brasileira (e, também, na produção de conteúdo internacional). Para deixar bem claro nossa política, gostaríamos de falar de crítica, compromisso e honestidade.

Os integrantes do site se comprometem em jogar o título do início ao fim, e o máximo possível quando não houver uma campanha definida ou um maior foco em multiplayer, para produzir uma análise (seja ela escrita ou em vídeo) de qualidade. Pode parecer algo óbvio, mas é assustadora a quantidade de artigos publicados que deixam claro que o redator não jogou o suficiente para tal. Pode não ser algo tão identificável para parte dos leitores, mas, para aqueles que jogam e que leem bastante sobre games, é distinguível e totalmente inaceitável.

Esse problema tem algumas origens, sendo a principal delas a corrida que existe para lançar o conteúdo antes dos outros. Abdicamos dessa urgência para dar preferência ao conteúdo e ao respeito pelo leitor. É claro que tentaremos fazer isso no melhor tempo possível dentro de nossas possibilidades, mas queremos que fique claro que nosso objetivo é debater e criticar os jogos da forma mais aprofundada possível, pois acreditamos que é a melhor maneira de dar nossa pequena contribuição ao crescimento da linguagem dos videogames e de seus entusiastas.

A questão da honestidade é um tanto formal: sempre faremos questão de indicar em qual plataforma o jogo foi analisado, já que geralmente recebemos apenas uma cópia dos estúdios e publicadoras para criarmos conteúdo. A plataforma utilizada para análise será sempre explicitada, de preferência descrevendo as ligeiras/significativas mudanças e características encontradas naquela versão frente a outras.

Do ponto de vista crítico, é importante apontar algumas coisas. Em primeiro lugar, nosso papel aqui não é falar bem só para agradar aos leitores, espectadores, entusiastas ou profissionais do mercado de videogames. Em segundo lugar, tentaremos, dentro do possível, abordar todas as facetas e diretrizes do mundo dos videogames, de grandes e poderosas publicadoras a pequenos estúdios independentes, passando por todo tipo e estilo de jogos eletrônicos. Nosso foco maior em conteúdo original, porém, abandona o imediatismo das notícias — que tentaremos cobrir de forma mais branda e seletiva por meio de nossas redes sociais.

Sendo assim, nós iremos sempre buscar entregar impressões e comentários aprofundados, mas que sejam de leitura (ou visualização) agradável e fluída. Não haverá uma lista de aspectos ou itens a serem analisados a cada novo texto, pois acreditamos que uma obra deve ser interpretada e analisada em sua totalidade. Tudo que você ler em nosso review terá lastro no próprio texto. Tudo que formos falar será bem exposto, argumentado e pesquisado.

Jogos propiciam experiências e elas variam de jogador para jogador. Portanto, deixaremos claro qual foi a nossa experiência com o jogo e, a partir dela, analisaremos os diferentes aspectos constitutivos da obra. Não temos pretensões de imparcialidade, já que isso é impossível e até indesejável quando falamos de obras de entretenimento/arte, então buscamos publicar textos que sejam claros — tanto em relação à nossa experiência com o título quanto em relação à argumentação do artigo. O nosso compromisso é com informação de qualidade e opinião transparente e sólida.

Arthur Pieri e Renan Greca
Janeiro de 2020